"Although it is not true that all conservatives are stupid people, it is true that the most stupid people are conservative." John Stuart Mill
14
Jan 12
publicado por Tó Zé, às 11:26link do post | comentar

É com uma intensa satisfação que este governo leva em consideração os interesses do Bloco de Esquerda (BE), uma vez que é este o único partido com representação na assembleia que tem maoistas nas suas hostes. Pelo menos assim pensava eu.

Mas, porque é que hoje eu resolvi dizer que o governo é maoista? Foi porque o governo está a fechar os centros de novas oportunidades, e para quem não sabe, Mao Tsé Tung defendia que a revolução se fazia pela educação, mas, quem já era mais velho era um caso perdido, como tal, só se educava os jovens.

Aliás, um observador atento verificará que o Estado tem uma estreita relação de negócios com os maoistas, uma vez que lhes vende a EDP, a atual Chinese MegaStore do Marquês de Pombal em Lisboa. E quer abrir a possibilidade de investimento dos chineses no BCP, digam lá se não é amizade.

De facto, acho que o facto de se negociar com os chineses, não faz do governo maoista. Mas, o facto de se comportarem como maoistas já os transforma, pelo menos, em simpatizantes desta ideologia.

Ainda assim, pergunta o leitor, para além do que está referido no segundo parágrafo do texto, que mais foi feito pelo governo para se confundir com o maoismo? O governo, à semelhança do regime de Mao, comporta-se como um regime absolutista. Como?, pergunta o leitor.

Fazendo o que faz, como tem maioria absoluta, dita aos portugueses aquilo que devem fazer para ultrapassar a crise, sublinhando sempre a coragem do povo português.

O que fazia o Mao? Dizia aos chineses para trabalharem porque as decisões dele estavam sempre corretas, sublinhando sempre que tinham de o fazer porque senão voltavam a viver mal sob o jugo do imperador. Não vos lembra ninguém? A mim, lembra-me o ministro Victor Gaspar a dizer que são necessários mais sacrifícios, que têm de ser postos em prática pelo povo português, senão, voltamos para o regime dos grandes gastos de José Sócrates.

Na minha opinião sincera, a coligação no governo está mal feita. Deviam substituir o CDS-PP pelo BE, funcionava melhor em termos de ideais. Porque um partido de direita a aumentar impostos, quando os devia diminuir para as pessoas gastarem esse dinheiro no setor privado. Está mal.


mais sobre mim
Janeiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

16
18
19
20
21

23
24
25
26
27

29
30
31


arquivos
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO